Ir para Conteúdo principal
Atividades desenvolvidas em contexto prisional

Trabalho

Um dos objetivos gerais do trabalho nos estabelecimentos prisionais é criar, manter e desenvolver no recluso capacidades e competências para o exercício de uma atividade laboral após a libertação.

Desenvolver capacidades implica desenvolver as potencialidades e ampliar o campo de intervenção de uma pessoa, permitindo-lhe relacionar um conhecimento concreto com um contexto específico da realidade e, desenvolver competências, para além de implicar um saber-fazer ou um saber-agir que já incorpora os conhecimentos, implica também que esse saber-fazer, responsável, e em determinado contexto, seja feito mobilizando recursos e habilidades.

Neste sentido, no âmbito das infraestruturas económicas existentes dentro dos estabelecimentos prisionais e através da articulação com entidades externas do setor público e privado, tem sido desenvolvido um trabalho que procura ampliar e diversificar as ofertas de trabalho.

Para este efeito, podem as entidades externas contactar a DGRSP ou remeter-nos, devidamente preenchidos, os formulários existentes na Bolsa de Trabalho Prisional

A partir deste contacto poderão ser estabelecidos Protocolos/Acordos de Cooperação entre a DGRSP e as Entidades Empregadoras

Para mais informações sobre o trabalho prisional pode aceder aos Relatórios de Atividades.